O Iowa Gambling Task (IGT) é um teste psicológico que avalia a habilidade das pessoas em tomar decisões em situações de risco. O teste foi desenvolvido para estudar a tomada de decisão em indivíduos com lesões cerebrais, mas com o tempo se tornou popular em diversas áreas, como neurociência, psicologia e economia.

O IGT consiste em um jogo de baralho simulado, no qual há quatro baralhos com cartas aleatórias. O participante deve escolher cartas de um dos baralhos e ganha dinheiro virtual a cada escolha. No entanto, dois dos baralhos têm mais cartas perigosas, que levam à perda de dinheiro virtual. Ao longo do jogo, o participante deve aprender a escolher os baralhos mais seguros, ou seja, aqueles com menor risco de perda de dinheiro virtual.

O IGT é dividido em etapas e sua pontuação se baseia na proporção de escolhas feitas em cada baralho. Os resultados permitem identificar se o participante tem uma tendência a escolher cartas de baralhos mais arriscados ou se aprendeu a escolher os mais seguros.

O IGT pode ser utilizado para avaliar a tomada de decisão em diferentes condições, como alterações emocionais, psicológicas e neurológicas. Além disso, o teste tem sido utilizado para identificar indivíduos que apresentam comportamentos relacionados ao jogo de azar problemático e prevenir a adoção de hábitos de risco.

Este manual profissional fornece informações detalhadas sobre como aplicar, pontuar e interpretar o IGT. Além disso, apresenta estratégias para a prevenção de riscos em indivíduos suscetíveis a comportamentos relacionados ao jogo de azar problemático. Com este manual, profissionais de áreas diversas podem utilizar o IGT de forma confiável e com fins clínicos e científicos, tornando-se uma ferramenta útil para avaliar e prevenir riscos em indivíduos suscetíveis.